INFORMAÇÃO GEODÉSICA

INFORMAÇÃO TÉCNICA - SISTEMAS DE REFERÊNCIA

linha separadora
Datum Lisboa (Obsoleto - Substituído pelo sistema PT-TM06-ETRS89)

O Datum Lisboa foi estabelecido nos finais do século XIX.

As observações angulares que deram origem a este Datum foram realizadas entre 1963 e 1888 com teodolitos Troughton e Repsold. A orientação da rede foi dada pelo azimute Lisboa -> Serves e a sua escala pela base da Chamusca medida com decâmetro de Repsold. O cálculo foi realizado pelo método das condições de observação, tendo sido determinada em primeiro lugar a triangulação fundamental e posteriormente a restante rede de primeira ordem, dividida em vários blocos.

Ponto origem das coordenadas geodésicas: Antigo Vértice Geodésico do Castelo de S. Jorge em Lisboa (Observações Astronómicas de cerca de 1890)
Elipsoide de referência: Hayford (ou Internacional 1924)

Semieixo maior: a = 6 378 388 m

Achatamento: f = 1/297

Nota 1:
Para trabalhos associados a este Datum (produção cartográfica e outros) é habitualmente usado o seguinte sistema de projeção:
Projeção cartográfica: Gauss-Krüger
Latitude da origem das coordenadas retangulares: 39º 40’ 00’’ N
Longitude da origem das coordenadas retangulares: 08º 07’ 54’’,862 W
Falsa origem das coordenadas retangulares:

Em M (distância à Meridiana): 0 m

Em P (distância à Perpendicular): 0 m

Coeficiente de redução de escala no meridiano central: 1,0
Nota 2:

Em 1945 o então denominado Instituto Geográfico e Cadastral, realizou um trabalho para a Câmara Municipal de Lisboa com um objetivo de criar uma rede de apoio mais densa na zona de Lisboa, para a execução de cartografia à escala 1:1000. A rede assim criada, denominada Triangulação Local de Lisboa (TLLx), está referida ao Datum Lisboa.

Uma vez que qualquer ponto desta triangulação dista menos de 11km do Castelo de São Jorge, não se julgou necessário definir analiticamente uma projeção cartográfica que estabelecesse a correspondência entre os pontos sobre o elipsoide e os do plano cartográfico. As coordenadas da TLLx estão referidas a um sistema de eixos retangulares situados no plano tangente ao elipsoide no vértice geodésico situado no castelo de S. Jorge, tendo este ponto as seguintes coordenadas: M (distância à Meridiana) = 12 000 m; P (distância à Perpendicular) = 6 000 m

OUTROS SISTEMAS DE REFERÊNCIA